RECADO IMPORTANTE !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

OLÁ GENTE.



TENHO RECEBIDO PEDIDOS DE ORÇAMENTOS, AS PESSOAS PEDEM PARA QUE EU RESPONDA POR E-MAIL, MAS, INFELIZMETE, NÃO DEIXAM O MESMO PARA QUE EU POSSA ENVIAR A RESPOSTA. ENTÃO FICO SEM TER O QUE FAZER...DESCULPE!!!!



ESPERO QUE AS PESSOAS POSSAM VER ESTE RECADINHO E POSSAM DEIXAR UM OUTRO COMENTÁRIO COM UM ENDEREÇO DE E-MAIL PARA QUE EU POSSA RESPONDER.



A DISPOSIÇÃO

Equipe Pontos & Artes.







Compre aqui meus produtos

Os produtos que não estão na lojinha e vc vê aqui no blog, pode ser feito por encomenda: Entre em contato por e-mail: pontos.artes@hotmail.com

terça-feira, 17 de março de 2009

TESTAMENTO E DESABAFO.

Amigos...
Vcs já devem ter percebido que ando um pouco afastada do blog e tudo mais.
Tenho andado um pouco triste, com algumas coisas que tem acontecido em minha vida...posso dizer que em vários setores.
Pode até ser uma fase, como já me disseram, mas, etaaaaaaaaa fase demorada de passar.rsssssssss
Acho também que junta esta coisa de mulher moderna, que trabalha fora e dentro de casa, tem filhos, marido, etc....
Afffffffffffffffffffff....Tem horas que parece que vou surtar...e o cansaço bate legal.
Ontem saí do trabalho e fui pegar meus filhos na escola, eles ficam lá das 08:00 as 19:00hs, Pela 1ª vez em um bom tempo dei uma olhada diferente neles. É claro que vejo meus filhos todos os dias...rsssssss
Mas falo, com um olhar diferente mesmo, parece que foi tirado um véu dos meus olhos e eu pude ver que meus filhos, estão virando rapazes.
Não sei se conseguem me entender...
Confesso que fiquei feliz e triste.....
Feliz....................porque estão dois rapazes lindos de viver, com saúde, estudiosos, etc....
Tiste...................porque percebi que estou perdendo muita coisa da vida deles. , coisas que eles vivem com os colegas e professores o dia inteiro; e não comigo.
Nestas horas , me pergunto.....
Será que vale a pena?
Será que vale a pena ficar tanto tempo longe assim deles?
Será que só eu me sinto assim?
Tenho certeza que não. Sei que por aí em algum lugar, existem mães que sacrificam o seu tempo com sua família, para assumir posições, responsabilidades fora de casa.
também as vesez por necessidade (que é meu caso), pq realmente necessitam trabalhar para ajudar o marido ou até manter sozinha as despesas da casa e levar o alimento para seus filhos.
Pensei, pensei, pensei...quase fervi meus miolinhos...achei mais pontos de ??????????? do que respostas.
Talvez eu tenha me sentido assim triste, por isso....pq enxergo a falta que faço para a minha família e na educação dos meus filhos.
Massssssssssssss...por enquanto , espero que por um tempo curto terá que ser assim.
Bom......................
Quero fazer do artesanato além de uma terapia uma fonte de renda para ajudar mais nas finanças lá de casa..rssss
Tenho dezenas de materiais em casa, preciso arrumar tempo e disposição para colocar mãos à obra e produzir muito. A disposição desta vez vou encontrar pois vou pensar nos meus filhos a cada minuto e a cada hora que o desânimo pensar em me pegar.
Vou criar um Slideshow que vai ficar no início do blog, com as peças que tenho a pronta entrega.
Para facilitar vender, o que já tenho.
E seja o que Deus quiser...rsssssss
Desculpe o desabafo e o testamento...!!!!!!!!!!!!!!!
Muito obrigada , pelo carinho de vcs.
Um super bjo.
Renata Monteiro
*********************************************************
AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!!!! em um dia que estava muito triste...fui presenteada com este cartão tão lindo, que meu filho mais velho fezjá algum tempo, mas ele achou guardadinho no fundionho de uma gaveta e me presenteou novamente.
Não é lindo, gente?

O que está escrito no cartão:
Oi Mamãe.
Quero falar com você.
Sabioa que amo muito, mas, muito, até o fim do muno.
Mamãe, sabia que também que você foi a minha melhor mãe do mundo, eu te amo denovo.
Você, Deus me enviou uma luz para mim, tão bonita.
Beijos.
*************************************************************
Este selinho eu ganhei da VEra Neves, uma amiga portuguesa...muito especial.
Visitem o blog dela...
Obrigada Vera , pelo carinho.



4 comentários:

Ana Carolina disse...

Oi querida! Imagino como vc está se sentindo. Vc disse tudo neste e-mail. Com certeza hoje as mães perdem muito mais o crescimento dos filhos pela necessidade de trabalhar. Mas siga confiante e pense sempre neles, pois asism será mais fácil passar por todas as dificuldades e vencer os obstáculos na vida.
Um grande beijo
Carol
Obs.: Achei muito lindo o carinho do cartão do seu filho.

Maria disse...

Minha linda, não tenho filhos, mas vivo longe da minha família (na qual incluo a minha gata!) portanto sei bem o que tu sentes. Estou longe a tentar fazer pela vida (e não me parece que esteja a conseguir) e enquanto isso perco montes de coisas. Que fazer, né? Eu, pelo menos, não tenho alternativa. Enfim, espero que logo tomes uma decisão. Bjinhos

®0$£ disse...

Oie! Nossa Rê, não se sinta culpada pq está dando a seus filhos um futuro descente! Acredito q no mundo de hj ser mãe e profissional ñ é fácil, mas se serve de consolo... Sempre que possível, chame seus filhos pra participar com vc do momento do artesanato, isso vai unir os 2 amores e vai t deixar + perto deles!
Bjão no coração e força na peruca!

Dina disse...

Olá
Me emocionei com o seu post ...nossa voc~e é tão novinha e já carregando essa culpa ? Mas é mesmo assim ...ser mãe é viver numa luta constante entre o que é certo e errado ....entre a razão e o coração ...entre a tentativa de acretar e o medo de falhar . Tudo isso porque estamos lidando com o que há de mais importante na nossa vida ...a nossa razão de viver .

Qdo casei pensei que ia ser dona de casa e cuidar da casa , marido , filhos ...( e adoro fazer isso ) mas vim pra Portugal e é outro mundo , e são outros tempos ...precisei trabalhar e ajudar em casa . Vivi sempre com esse dilema ...mas tentei sempre aproveitar o tempo precioso que passavamos juntos : um passeio ao domingo , um cinema , contar uma história na h de deitar ...são coisas que fiz e que meus filhos guardam como doces lembranças ..

Hoje a minha filha tem 22 anos e meu filho 18 ...são jovens felizes e sem traumas porque sabem que o meu amor por eles foi sempre o mais importante na minha vida .

Viva os pequenos momentos com grande intensidade porque o que conta é a qualidade de tempo e não a quantidade .
bjs